GROSSEIRÃO – Fabrício Jurado prova que diploma não representa educação e deixa Hildon refém dos vereadores

Compartilhe agora

Ao melhor estilo “playboy marrento” o secretário de Governo da prefeitura de Porto Velho, Fabrício Jurado (DEM), vem promovendo um espetáculo de arrogância e grosseria contra membros do poder legislativo e reles mortais que buscam contato com o todo poderoso do prédio do Relógio.

Mesmo com uma formação acadêmica louvável, Fabricio Jurado vem confirmando uma velha máxima que diz “Diploma não representa educação”. Um exemplo dessas atitudes de Jurado foi à maneira desrespeitosa com que ele tratou uma vereadora da Casa.

Não se sabe se é costume de Fabricio Jurado tratar mulheres de forma grosseira, mas de acordo com a vereadora Márcia Socorrista (Progressistas), ela sentiu-se “humilhada” após tentar contato com ele e ser sumariamente desprezada e tratada de forma pormenorizada.

A pose de manda chuva de Fabrício pelos corredores da Câmara de Vereadores e a sua inacessibilidade seletiva entre os titulares de vereança já vem colocando o prefeito Hildon Chaves (PSDB) em situação constrangedora com sua própria base aliada na Casa de Leis.

Alguns vereadores já não aceitam mais tratar de assuntos relativos a acertos entre Executivo o e Legislativo com Fabrício e preferem buscar o presidente da Casa, Edwilson Negreiros (PSB), como elo ao prefeito.

Isso vem tornando Hildon Chaves refém dos vereadores, já que a cada deixada por Jurado em um gabinete da Câmara, se cria uma nova rusga com o poder Executivo. A troca de Fabricio Jurado já é dada como certa pelos corredores do Parlamento Mirim.

Cambaleante no cargo Jurado vem a cada dia perdendo aliado e vendo sua emergente força politica ruir por cima de sua arrogância e soberba.

Fonte: Brasil364


Compartilhe agora