Home / Brasil / Bolsonaro tem como projeto de governo a degradação da Amazônia, diz Samuel Costa
Últimas Notícias

Bolsonaro tem como projeto de governo a degradação da Amazônia, diz Samuel Costa

Compartilhe agora

Devemos compreender que: “Quando Pedro me fala sobre Paulo, sei mais de Pedro do que de Paulo”.

E não é que Bolsonaro teve a cara de pau de falar que organizações de proteção ao meio ambiente podem estar por trás dos incêndios ilegais, que prejudicam o meio ambiente?

Samuel Costa é jornalista e professor, atua na defesa dos direitos e garantias fundamentais.

A fusão do Ministério de Meio Ambiente (MMA) ao de Agricultura, bem como o anúncio de enfraquecimento de órgãos de fiscalização ambiental, como o Ibama, representam um enorme e perigoso retrocesso, podendo resultar na explosão das taxas de desmatamento e colocar em risco décadas de avanços na proteção ambiental.

O Brasil detém a maior biodiversidade do mundo e belas paisagens naturais que atraem anualmente milhares de turistas. O futuro e o desenvolvimento do País também dependem da boa gestão do seu capital natural. Aqui está a maior área de floresta tropical contínua do planeta, que ajuda a regular o clima, produzir água, estocar carbono nas árvores, manter solos férteis para a agricultura, reduzir o risco de desastres naturais, dentre tantos outros serviços. O país não pode abrir mão da proteção conferida ao meio ambiente pela Carta Cidadã de 1988.

A economia brasileira, hoje em grande medida conectada aos mercados globais, depende do equilíbrio entre produção e proteção ambiental para prosperar. Retrocessos na agenda ambiental do País podem representar riscos enormes à reputação das empresas e produtores brasileiros, colocando o Brasil na contramão do movimento global de transição para a economia de baixo carbono.

Apesar dos devaneios e sandices do desgoverno Bolsonaro ao nosso ver, conhecer a região amazônida deveria ser obrigação de todos os brasileiros desde criança. “O coração do Brasil não pode ficar somente nos livros e na internet. Tem gente que desconhece a importância do protagonismo de Chico Mendes e de tantos outros que morreram pela Amazônia.” Afirma Costa

Meio ambiente é coisa séria. Diz respeito à nossa qualidade de vida e ao mundo que deixaremos para nossos filhos, seja qual for a nossa forma de pensar, agir e lutar. A sua proteção constitui direito fundamental de toda a sociedade brasileira, configurando-se como pauta apartidária. O presidente da República tem o dever de reconhecer e se comprometer com a proteção das conquistas ambientais da sociedade. É preciso caminhar em direção à Constituição Cidadã; não se afastar dela.

Fonte: Amazoniaquinews/Greenpeace


Compartilhe agora

Notícias Relacionadas

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*